A voz

Ao tentar dar “voz” a minha tarefa de escrever sobre a VOZ, tratei logo de ir a campo e pesquisar o que define essa palavra tão poderosa de três letras.

Origem
⊙ ETIM lat. vox,vōcis ‘som da voz, voz’

A frequência da voz varia entre 50 e 3400 Hz.

A voz é o som ou conjunto dos sons produzidos pelas vibrações das cordas ou pregas vocais sob a pressão do ar que percorre a laringe de um ser humano e pode variar quanto à intensidade, altura, inflexão, ressonância, articulação e muitas outras características intimamente relacionadas com a necessidade do homem de se expressar.

O ser humano usa a voz associada à fala para se agrupar e, na realização da comunicação verbal, seu tom pode ser modificado para sugerir emoções como raiva, surpresa e felicidade.

Um indivíduo é reconhecido pela voz que tem. Cada voz carrega uma assinatura e traduz uma opinião. Uma crença. Uma oração. Cantores usam a voz como um instrumento para criar música e transmitir as mais profundas emoções, locutores usam suas vozes para “viver” textos.

Quando uma voz se junta às outras é possível combater o mais perverso tirano, os abusos, as injustiças, mas é preciso estar atento. A voz também pode transmitir a fofoca maldosa e o fake news como um vírus epidêmico.

Antes de concluir, pedi a opinião de dois assistentes para me ajudarem a definir o que é voz:

Meu sobrinho de oito anos disse:
O que é, o que é, que quando a gente perde não consegue contar pra ninguém? …rs

Mas a melhor foi essa, do meu sobrinho de seis:
“VOZ: São três as letras que formam esse pequeno fonema bonito, mas nele cabe todo o infinito.”

_____

Marquinhos MC Fernandes

MC Fernandes é showrunner dos Irmãos de Criação. Combina imaginação e tecnologia com estilo ousado e impactante. Alpinista certificado, projetista de aviões de papel e soprador de bolhas de sabão, é pai do Arthur, sua melhor criação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

hoje, mais do que nunca a relevância da voz para informar, acalmar e manter a fé e a esperança de dias melhores.

Texto muito bom. (a parte dos sobrinhos roubou a cena)
Abraço